quarta-feira, 30 de abril de 2014

O poder de um abraço.

Por que tantas coisas dão errado em horas que se prevê que irão dar certo e daí aquela surpresa frustrante, já tantas vezes sentida, deixando a gente com aquela cara de cachorro que caiu da carroça de mudança de interior e fica olhando pra cima, sem saber que atitude tomar. Pulo de volta pra carroça ou desisto de tudo? Ontem uma amiga me confidenciou que enquanto dirigia seu carro ouvindo uma daquelas musicas alegres, cheia de batidas fortes e de repente desabou descontroladamente em lagrimas, sem motivos aparentes. Mas a gente sabe que pra tudo existe um motivo, da mesma forma que sabemos que onde há fumaça existe fogo e fogo queima.
Eu gostaria de ter minhas respostas lógicas para o que aparentemente é incompressível nesta vida. Eu gostaria de mudar algumas coisas que não tem logica, que parece ter uma finalidade e se descobre mais tarde que tem outra que não fazia parte dos nossos planos, das nossas certezas. Nestas horas quando não se está só, o bom é receber um forte abraço para se trocar energia e sentir a presença do outro, perceber que não estamos sozinhos no barco à deriva. A gente precisa disto!..
A duração média de um abraço entre duas pessoas é de 3 segundos. Entretanto, os pesquisadores descobriram algo fantástico. Quando um abraço dura 20 segundos, há um efeito terapêutico sobre o corpo e a mente. A razão é que um abraço sincero produz um hormônio chamado ocitocina, também conhecido como o hormônio do amor.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer seu comentário clicando sobre o título da postagem onde será direcionado para Conversa Fiada, com espaço para a publicação da sua opinião. Ela será acolhida com atenção e carinho e sempre que possível respondidas.

Você também pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...