domingo, 27 de novembro de 2016

COISAS ESTRANHAS DA VIDA.

Eu conheço bruxas que fazem tricô e soltam gargalhadas. Elas bebem cerveja e ouvem jazz. Sapos que se comunicam por códigos sonoros, numa comunicação secreta e indecifrável depois da chuva demorada. Serpentes que  se arrastam camufladas em volta das piscinas azuis; Gatos que se espreitam nos telhados vizinhos; Portas que batem; janelas que se abrem; Sombras que cruzam por mim rapidamente e desaparecem nas paredes de concreto. 
Também ouço assovios, frases incompreensivas, incompletas, explosões, musicas estranhas, vozes pronunciando meu nome, ao pé do ouvido.
Vejo nuvens apressadas a desenharem formas humanas, rostos, objetos conhecidos, riscos de fogo... Voces não?..
Em casa, guardo objetos excêntricos. Uma pedra verde do lado da cama, uma folha seca dentro de um livro, um lápis sem ponta, um dólar dobrado na carteira.
Como não se conformar com as estranhezas do universo, se tudo em geral, parece um pacote sem lógica?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer seu comentário clicando sobre o título da postagem onde será direcionado para Conversa Fiada, com espaço para a publicação da sua opinião. Ela será acolhida com atenção e carinho e sempre que possível respondidas.

Você também pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...