sábado, 13 de agosto de 2016

O ABRAÇO.


O abraço tem nome e deveria ser sempre apertado e demorado, a cima de tudo, muito mais do que um movimento de músculos, que envolve outros músculos num trabalho mecânico, que gera força e energia. 
Esta mesma energia, de que falo, deveria ter o poder de ultrapassar músculos e ossos, entrar na alma e fazer o sangue ferver, mudar a cor de nossa iris, provocar amnésia.
O calor de um abraço por minutos, deveria parecer de horas, uma eternidade, a morte do antes e a ressuscitação do depois. Mas ainda deve haver tempo para aprendermos mais sobre este gesto de espontaneidade e poder.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer seu comentário clicando sobre o título da postagem onde será direcionado para Conversa Fiada, com espaço para a publicação da sua opinião. Ela será acolhida com atenção e carinho e sempre que possível respondidas.

Você também pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...