sábado, 8 de agosto de 2015

BELO HORIZONTE.


No ultimo dia em Minas, foi possível fazer um passeio  pela capital BH, antes de tomar o voo em Confins para Porto alegre e descobrir com os próprios olhos, o por quê a cidade é chamada de Belo Horizonte.
Foi um city tour de cortesia, oferecido pela agencia de viagens, Tom Excursões Universitárias, oportunizando conhecer alguns pontos de interesse turísticos, na capital mineira que tanto eu quanto o resto do grupo, gostamos e aprovamos.
Estávamos divididos entre duas vans que nos levou até os atrativos, disponibilizando alguns minutos para conhecermos os lugares e tirar algumas fotografias.



PRAÇA DO PAPA:
De nome Israel Pinheiro, a praça chamada de Praça do papa, localiza-se no alto das Mangabeiras onde foi realizado uma missa campal em 1980 pelo Papa João Paulo II. Foi erguido um monumento para homenagear o ilustre visitante que no dia da missa disse a seguinte frase, a o ver a paisagem diante de seus olhos: "Que Belo Horizonte". Localizada na parte alta da cidade e cercada pela Serra do Curral, a praça é um belo lugar para passear e apreciar a vista panorâmica.


MIRANTE DO MANGABEIRAS:
Ainda nas proximidades, existe o parque Mangabeiras com um mirante, que mostra toda a plenitude da cidade, vista do alto.





SAVASSI:
É um bairro nobre e de muita movimentação comercial, situado na região Centro-Sul de Belo Horizonte. É conhecida pela grande quantidade de bares com mesas na rua, sendo uma das regiões mais prestigiadas da capital mineira frequentado por jovens e intelectuais da cidade. O nome Savassi refere-se a um comerciante de uma  padaria, que estabeleceu-se no local nos anos 30, tornando-se uma referencia


PRAÇA DA LIBERDADE:
Localizada no Savassi, a Praça da liberdade é muito mais que uma praça, mas um circuito cultural onde se encontram vários espaços culturais e museus em funcionamento:
Arquivo Publico Mineiro, Biblioteca Publica Estadual Luiz de Bessa, Casa Fiat de Cultura, Centro de Arte Popular Cemig, Centro Cultural Banco do Brasil, Memorial Minas Gerais Vale, Museu Mineiro, Palácio da Liberdade,  Museu de Minas e do Metal, Espaço do Conhecimento UFMG.






MINEIRÃO:
Estádio Governador Magalhães Pinto, mais conhecido como Mineirão, é o estádio de futebol mineiro, inaugurado em 1965, é o quinto maior estádio do Brasil, já tendo sediado cinco finais da Copa Libertadores, uma Copa Intercontinental e escolhido como uma das sedes da Copa do Mundo FIFA de 2014.

IGREJA DA PAMPULHA:
A Igreja São Francisco de Assis da Pampulha foi inaugurada em 1943. O projeto arquitetônico da igreja é de Oscar Niemeyer e considerado a obra-prima do conjunto arquitetônico encomendado pelo então prefeito J K com a finalidade de valorizar o bairro. Inaugurado em 1943, o conjunto composto por 4 edificações (Um cassino, a Igreja, a casa de balle e o iate club), construídos a margem da Lagoa da Pampulha e adornados por 5 jardins assinados por Burle Marx.
As linhas curvas da igreja seduziram artistas e arquitetos, mas escandalizaram o acanhado ambiente cultural da cidade, de tal forma, que as autoridades eclesiásticas não permitiram, por muitos anos, a consagração da capela devido à sua forma inusitada e ao painel de Portinari onde se vê um cachorro representando um lobo junto à São Francisco de Assis , a igreja permaneceu durante catorze anos proibida ao culto.



Antes de finalmente retornarmos para o aeroporto, decidimos conhecer a Gruta da Lapinha, outra aventura deliciosa, cujos os detalhes eu descrevo AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Você pode fazer seu comentário clicando sobre o título da postagem onde será direcionado para Conversa Fiada, com espaço para a publicação da sua opinião. Ela será acolhida com atenção e carinho e sempre que possível respondidas.

Você também pode gostar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...